Centro Integrado de Estudos e
Programas de Desenvolvimento Sustentável
Página Inicial

Extranet

Artigos

Saúde e Desigualdade

13/06/2017

Enviar para o Twitter Enviar para o Facebook

A discussão sobre saúde e desigualdade deve ser analisada levando em conta os fatores sociais e as causas fundamentais da saúde e da doença, observando que a desigualdade remete-se a grupos sociais em desvantagens ou excluídos, marcadamente pela via econômica, cor, escolaridade, gênero, idade e tantas outras características sociais e pessoais. 

O Brasil, conta com um Sistema Único de Saúde (SUS), reconhecidamente avançado, com preceitos inovadores, modelo de cobertura pautado na universalização, equidade, integralidade, descentralização e participação popular, independente de renda, raça, ocupação, sexo, etc., com cobertura assistencial a 75% da população . O SUS está organizado em três níveis de atendimento, cada um deles responde por serviços diferenciados e que gera a distribuição do acesso ao sistema de acordo com a gravidade e a complexidade do usuário.

Acesse o artigo na íntegra.

Parceiros

  • Prefeitura de Macaé
  • CBVE
  • Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro
  • Centro RIO + / ONU
  • Secretaria Municipal de Assistência Social – Nilópolis
  • Chevron
  • Fundação Itaú Social
  • Secretaria Municipal de Saúde RJ
  • Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social da Prefeitura do Rio de Janeiro – SMDS
  • Metrô Rio e Instituto Invepar
  • Canal Futura
  • Shell

Cadastre-se
E receba nossos informativos